Como fidelizar os clientes da sua loja de semijoias no atacado

Se você quer começar uma loja de semijoias no atacado ou já tem uma, está no lugar certo! Afinal de contas, este artigo vai mostrar quais são os principais problemas de uma loja desse segmento para que você evite ao máximo eles ou saiba como se livrar deles o quanto antes. Tenha sempre em mente de que manter problemas no seu negócio, mesmo que pequenos, pode influenciar negativamente o seu desempenho.

No caso de vendedores autônomos, algo que também está crescendo quando o assunto é semijoia, esses problemas também acontecem, por isso é importante ficar atento de qualquer forma. Por mais que essas questões ruins atrapalhem o crescimento do negócio, a boa notícia é que elas podem ser evitadas ou deixadas de lado. O importante é fazer isso o quanto antes, certo?

Sendo assim, continue a leitura deste artigo para entender quais são esses problemas, ou erros, e conseguir ficar livre deles e ter cada vez mais sucesso.

Principais erros das lojas de semijoias no atacado

Veja abaixo quais são os erros mais frequentes cometidos por várias lojas de revenda de semijoias. Caso ainda pretenda abrir uma, então analise bem um por um para ficar o máximo possível longe deles.

1. Não ter planejamento

Antes de qualquer coisa, é necessário fazer um planejamento realista e minucioso da sua loja de semijoias no atacado. Para isso, crie o perfil do público que você pretende atender, analise corretamente as suas finanças e entenda a quantia de dinheiro disponível para realizar as suas primeiras compras, defina os dias e horários de trabalho e também não se esqueça de colocar metas de vendas.

Neste último ponto, é importante ressaltar que as metas precisam ser realistas, certo? Elas precisam começar baixas e aumentar gradativamente. Nada de querer começar direto lá no alto que não vai dar certo.

Você pode estar pensando que esse primeiro tópico diz respeito somente aos iniciantes no assunto, não é mesmo? No entanto, quem já atua no mercado há um tempo também pode sim seguir essas dicas importantes.

2. Errar na escolha do fornecedor

Outro erro que muitos donos de lojas de semijoias cometem é não escolher o fornecedor correto e mesmo assim não mudar. Tenha sempre em mente de que não há nenhum problema em contatar, no mínimo, uns 4 fornecedores diferentes quando o seu negócio ainda estiver começando. Isso, na verdade, é muito bom para que seja possível conhecer qual o melhor, ou seja, aquele que oferece mais vantagens e um melhor custo benefício.

Além disso, é claro, o fornecedor ideal precisa oferecer qualidade, garantia, ter uma ampla variedade de produtos e ter uma logística de entrega eficiente. Pode ser que no começo seja difícil de encontrar uma empresa assim, mas não desista.

3. Não levar em conta os gostos dos clientes

Sabe aquele vendedor que apenas compra itens e acessórios se baseando em seu gosto pessoal? Pois saiba que ele está muito errado. Não dá para montar um mostruário sem pensar no gosto dos clientes, ou seja, do público para quem sua loja de semijoias no atacado vai vender.

É claro que isso não significa que você deve sair por aí e comprar uma grande quantidade de acessórios, muito pelo contrário. O importante é variar nos modelos e sempre levar em conta as preferências das pessoas que compram ou que irão comprar na sua loja. Por exemplo, aquelas peças clássicas e básicas não podem ficar de fora, com toda a certeza.

4. Não ter comprometimento

É praticamente impossível ter uma loja de semijoias no atacado e não ter comprometimento. Essas duas coisas não podem de forma alguma andarem juntas, muito pelo contrário. É necessário trabalhar sempre com profissionalismo e com seriedade, certo?

5. Não persistir com o negócio

Por fim, outro grande problema que acontece com algumas lojas de semijoias é que os donos acabam desistindo delas facilmente. Pode ser que no início as coisas não saiam conforme o planejado, mas é importante persistir sempre, nunca se esqueça disso. Haverá sempre dias bons e dias ruins. Portanto, não deixe que os ruins façam com que você desista do negócio.

Conclusão

Agora que você já sabe quais são os principais erros e problemas de uma loja de semijoias no atacado, não deixe de fazer tudo o que for possível para evitá-los ou para contorná-los o quanto antes, certo?